Hidrotec Engenharia

Copyright ©2017 | Por: eClass

APROVEITE O CARNAVAL DE FORMA CONSCIENTE

Entra ano, sai ano e uma das maiores festas populares do Brasil está chegando novamente! Carnaval, tempo de diversão e de muita alegria, que arrasta milhares de pessoas aos blocos de rua e aos desfiles de escola de samba. Porém, o número de foliões é proporcional ao lixo gerado nesta época.

Segundo a Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb), somente em São Paulo durante o pré-carnaval e carnaval de 2019, foram recolhidas mais de 649,3 toneladas de resíduos. Dentre eles, latas de alumínio, garrafas pet, vidro, papel e adereços. E, saibam que, dentro desse cenário, a maior parte de todo esse lixo gerado pode ser reaproveitada e destinada para outros fins.

Porém, sabemos que falta conscientização por parte dos foliões, que jogam todo e qualquer “lixo” nas ruas. Esses resíduos, se não coletados adequadamente, acabam gerando grandes problemas ambientais. Como, por exemplo, o lixo plástico, que se jogado nas ruas, vai para os bueiros, segue pelos rios e desemboca no mar, ocasionando a contaminação das águas, além de ser o grande vilão, responsável pela morte de milhares de animais marinhos. 

Pensando em diminuir um pouco este impacto ambiental, sem deixar a curtição de lado, que tal deixarmos esta festa mais sustentável?

Daremos algumas dicas de como fazer isso:

– Antes de comprar uma fantasia nova, invista em adereços e fantasias que já tenha de outros carnavais, ou até mesmo troque com os amigos.

– Produza menos lixo. Vale levar sua caneca e evitar copos e canudos plásticos, por exemplo. Dê preferências as latas de alumínio, evitando plástico e vidro.

– Descarte o lixo de forma adequada. Procure as lixeiras e os catadores de latinhas, que sempre estão por perto, para dar um destino correto para as embalagens de bebidas.

– Procure usar maquiagens sustentáveis e muito cuidado com o famoso glitter, que possui partículas compostas por microplásticos e que ao ser removido do corpo com água, acaba indo parar nos rios e oceanos, causando um grande dano ambiental (Leia mais sobre a contaminação por micropartículas em  http://hidrotecengenharia.com.br/o-perigo-em-microparticulas/).

Aproveite o carnaval, mas seja consciente!

Bibliografia

<https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/carnaval/2019/noticia/2019/03/06/carnaval-de-sp-tem-244-multas-por-xixi-na-rua-e-produz-649-toneladas-de-lixo.ghtml> Acessado em 31 de janeiro de 2020

<https://g1.globo.com/rj/regiao-dos-lagos/noticia/2019/03/18/carnaval-passa-e-deixa-cenas-de-desprezo-ambiental-no-mes-em-que-o-brasil-surge-como-o-4o-que-mais-gera-lixo-plastico-no-mundo.ghtml> Acessado em 31 de janeiro de 2020

<https://carollinasalle.jusbrasil.com.br/noticias/113726527/meio-ambiente-da-dicas-para-um-carnaval-com-sustentabilidade> Acessado em 31 de janeiro de 2020

<http://sustentavelviver.com.br/carnaval-sustentavel-4-passos-para-um-carnaval-com-menos-lixo/> Acessado em 31 de janeiro de 2020